domingo, 3 de maio de 2015

chamem-me insensível (em menos de uma semana, já vou na segunda vez)

hoje, com estes dois que a terra há-de comer, ou o forno queimar, vi:

- a menos de 1 km do local do atropelamento mais falado do dia, dois peregrinos a atravessarem a estrada num local com um separador central de betão; eram praticamente 8 da tarde;

- a uns 3/4km, a mesma coisa: um grupo e um separador central de betão, por volta do meio dia e meio.

tudo a saltar barreiras!

este ano ainda não tive de ir quase na outra faixa, em contra mão, para deixar espaço para os peões porque vão aos 3 e 4, ou mais, lado a lado, em amena cavaqueira.

lamento profundamente o que aconteceu nesta madrugada de sábado.

tem dias que parece que os peões se esquecem de onde vão.

4 comentários:

  1. Por muito cruel que pareça o teu comentário, é real.
    Os peões colocam-se a jeito e depois ... já eram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há pessoas que parece que não pensam. Como aquelas que se atiram para as passadeiras, por exemplo.

      Eliminar

Cenas que te passaram pela cabeça, quando leste as minhas cenas!!